General

All general posts about the Social iTV team and all development processes.

image

Entrevista à TSF do grupo SocialiTV

Portugal está no pelotão da frente da televisão do futuro

21 de Novembro de 2016 – 18:05
Rui Tukayana

Portugal não sai mal na fotografia no que à inovação nas televisões diz respeito. Os canais estão atentos ao que aí vem e os operadores sempre à procura de novos serviços para os seus clientes.

image

Foto: MIGUEL A. LOPES/LUSA
 

No dia mundial da televisão espreitamos o estado atual da TV em Portugal e o que está a ser preparado para o seu futuro.

Um dos convidados da Tarde TSF é Jorge Ferraz Abreu, professor na Universidade de Aveiro e investigador do grupo de New Media and Digital Entertainment desta instituição de ensino. É este académico que afirma que Portugal é um país que se destaca. Jorge Ferraz de Abreu dá o exemplo dos sistemas que permitem andar para trás no tempo e ver programas que foram emitidos há alguns dias. Isto é algo de que os operadores portugueses foram pioneiros e não está ainda espalhado por todo o mundo.

Trata-se de uma inovação que no futuro, acredita o professor, vai acabar com as grelhas televisivas. Os programas em direto, os noticiários e os eventos desportivos vão continuar a ter hora marcada, mas tudo o resto, não.

Sobre como principais canais televisivos se posicionam hoje face a tudo aquilo que aí vem, nomeadamente com a cada vez maior ligação à internet, Jorge Ferraz Abreu afirma que os canais estão atentos e a trabalhar bem. Principalmente o canal público.

 

Ouça a entrevista de Rui Tukayana ao professor Jorge Ferraz de Abreu – aqui

 

Ainda na Universidade de Aveiro, a TSF conversou com Pedro Almeida, que é o coordenador do grupo de investigação em Social iTV. O professor e investigador revelou o que é que se está a criar nos laboratórios desta universidade e aquilo que em breve pode chegar aos comandos e aos ecrãs das televisões portuguesas.

Uma das propostas tem a ver com a enorme quantidade de programas disponíveis para serem vistos quando alguém se senta em frente a um sofá para ver televisão. Na Universidade de Aveiro, o grupo liderado por Pedro Almeida pretende pôr fim ao dilema do zapping à procura de algo para ver.

Ideias em curso na Universidade de Aveiro, algumas que já passaram do projeto para a realidade. Todas elas com um olho no futuro da TV.

 

Fonte: http://www.tsf.pt/sociedade/interior/portugal-esta-no-pelotao-da-frente-da-televisao-do-futuro-5510045.html

Aceitam-se candidaturas, no formato de prestação de serviços, para uma colaboração no âmbito de um projeto na área de Social iTV

Âmbito:

O projeto iNeighbour TV, que conta com financiamento da FCT (Fundação para a Ciência e Tecnologia) e com a parceria da PT (através do labs.sapo.pt/ua), encontra-se na fase de lançamento de um Field Trial, o qual irá permitir testar e validar a aplicação desenvolvida junto de um grupo de 20 utilizadores piloto.

A aplicação, desenvolvida para correr na plataforma de IPTV do MEO, tem como objetivo promover o conforto, a qualidade de vida e a interacção social entre cidadãos seniores.

Mais detalhes sobre a aplicação podem ser encontrados no site do grupo de investigação, em Social iTV, da Universidade de Aveiro: http://socialitv.web.ua.pt/

Tipo de colaboração:

As atividades previstas, no âmbito desta prestação de serviços, assumem 2 vertentes complementares entre si:

– acompanhamento do processo do Field Trial

– redacção de artigos científicos com base nos dados recolhidos.

Não obstante o grau de autonomia inerente a cada uma destas tarefas, o colaborador será integrado na jovem equipa de desenvolvimento do projeto.

Competências, básicas, requeridas:

– interesse e motivação pela área científica referida;

– dá-se preferência a quem tenha experiência em áreas afins às vertentes referidas (participação/coordenação de processos de avaliação de aplicações com utilizadores reais e redacção, em inglês, de artigos científicos);

– domínio de ferramentas de processamento de dados quantitativos e qualitativos.

Condições da colaboração:

– O local de trabalho é o laboratório do Sapo na Universidade de Aveiro.

– O trabalho de campo será realizado em Aveiro e, pontualmente, no Porto.

– O valor, máximo, a pagar por esta prestação de serviços é de 3.250€ (a que acresce IVA à taxa legal em vigor).

– O trabalho terá início em 1 de Fevereiro de 2012 e término a 31 de Maio de 2012 com um carga média de horário de trabalho semanal de 40 horas.

Prazos de candidatura:

As manifestações de interesse, acompanhadas de CV e de carta de motivação, devem ser endereçadas por email (para jfa@ua.pt e almeida@ua.pt) até ao dia 23 de Janeiro de 2012. Após a análise dos processos recebidos, poderá haver lugar a uma entrevista aos 3 candidatos melhor qualificados.

Aveiro, 12 de Janeiro de 2012

Hot trend for 2012 – social TV

The Harvard Business Review and Mashable choose Social TV as one of the hot trends for 2012. After the Wired magazine said the same for 2011 it is a new indication that the buzz is targeted at TV in its social aspects.
Here are the hot topics for Harvard Business Review
And the trends for Mashable.

Social TV explained

An interesting video on Social TV and how it can create new opportunities for marketers.